O que é a catarata?

Nossos olhos possuem uma lente natural chamada cristalino, que cumpre a função de refratar os raios de luz que entram nos olhos, para ajudar-nos a enxergar. O cristalino como o nome sugere, deve apresentar-se transparente, para que tenhamos uma visão perfeita.

Quando o cristalino apresenta opacidade e perda de transparência, há redução da visão. Essa alteração chama-se catarata, e pode ir desde pequenas distorções visuais, até casos de cegueira.

Essa opacidade do cristalino pode ser adquirida com a idade, ou surgir durante o desenvolvimento do feto (catarata congênita).

Em algum momento após os 50 anos, muitos de nós com grande possibilidade escutará de nosso oftalmologista que temos catarata.

Ou seja, a maior parte dos casos diagnosticados de cataratas estão fortemente relacionados com o avanço da idade, e o consequente processo de envelhecimento. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), 47,6% dos casos de cegueira mundial, são ocasionados por catarata, atingindo principalmente pessoas idosas.

Até o momento, não existem comprovações de que exista um tratamento farmacológico, capaz de desacelerar o avanço da catarata, nem mesmo tratamento que consiga reestabelecer a transparência do cristalino opacificado. Retirar a lente natural, e implantar uma nova lente (artificial) é a única forma de melhorar e restaurar a visão do paciente portador de catarata.

Catarata tem cura?

Sim. O processo de opacificação do cristalino, pode ser revertido.

A cirurgia é o único tratamento para a catarata. Atualmente esse tipo de cirurgia, se caracteriza por ser uma intervenção rápida e de recuperação bastante tranquila.

Felizmente, as novas técnicas cirúrgicas têm tornado o procedimento de cirurgia de catarata um dos mais seguros da atualidade, fazendo com que os pacientes que se submetem à cirurgia obtenham resultados muito positivos pós-cirurgia.

Logo após uma cirurgia de catarata, espera-se que a visão comece a melhorar dentro de alguns dias. A visão pode se apresentar um pouco borrada no início, até que o olho se recupere e se ajuste.

Orientações pós-operatórias serão passadas pelo cirurgião e sua equipe, no momento da alta.

Em geral, serão necessárias consultas de retorno, para que a evolução possa ser acompanhada de perto pelo oftalmologista.

Quanto tempo leva para a visão voltar ao normal após a cirurgia de catarata?

A evolução clínica, dependerá do grau e estágio de inflamação após o procedimento cirúrgico. A inflamação se manifesta de maneira distinta para cada paciente e também de acordo com o estado com que se encontrava a catarata antes da cirurgia. Vale lembrar, que doenças preexistentes, como diabetes, podem interferir no período de recuperação.

Como vou enxergar, logo após a cirurgia de catarata?

Comumente, a visão apresenta-se embaçada durante os primeiros dias após a cirurgia. Em alguns casos, onde há nenhuma ou pouca inflamação, a visão apresenta recuperação rápida e tranquila.

Os pacientes que se submetem a esta cirurgia, não somente adquirem uma visão muito mais clara, como também não apresentam sintomas provocados pela visão embaçada e halos de luz: sintomas habituais da catarata.

A catarata pode voltar após a cirurgia?

Não. O cristalino é retirado, e substituído por uma lente artificial. Ou seja, não existe risco da catarata voltar.

O que pode ocorrer, é um  processo de fibrose da membrana que suporta a lente intraocular. Em alguns casos, a membrana pode tornar-se opaca trazendo prejuízos a visão, porém este problema pode ser resolvido com o procedimento de capsulotomia por Yag LASER: procedimento indolor, capaz de restabelecer significativamente a visão.

Cirurgia de Retina e Catarata em Curitiba
Cirurgia de Retina e Catarata olho